Atenção

Para compartilhar as atividades do Blog TEXTO EM MOVIMENTO em outros blogs é preciso ter autorização prévia. Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

domingo, 29 de julho de 2012

ATIVIDADE - Interpretação de texto (crônica)

 A outra noite

Outro dia fui a São Paulo e resolvi voltar à noite, uma noite de vento sul e chuva, tanto lá como aqui. Quando vinha para casa de táxi, encontrei um amigo e o trouxe até Copacabana; e contei a ele que lá em cima, além das nuvens, estava um luar lindo, deLua cheia; e que as nuvens feias que cobriam a cidade eram, vistas de cima, enluaradas, colchões de sonho, alvas, uma paisagem irreal.
Depois que o meu amigo desceu do carro, o chofer aproveitou um sinal fechado para voltar-se para mim:
– O senhor vai desculpar, eu estava aqui a ouvir sua conversa. Mas, tem mesmo luar lá em cima?
Confirmei: sim, acima da nossa noite preta e enlamaçada e torpe havia uma outra - pura, perfeita e linda.
– Mas, que coisa. . .
Ele chegou a pôr a cabeça fora do carro para olhar o céu fechado de chuva. Depois continuou guiando mais lentamente. Não sei se sonhava em ser aviador ou pensava em outra coisa.
– Ora, sim senhor. . .
E, quando saltei e paguei a corrida, ele me disse um "boa noite" e um "muito obrigado ao senhor" tão sinceros, tão veementes, como se eu lhe tivesse feito um presente de rei.

(BRAGA, Rubem. A outra noite. In: PARA gostar de ler: crônicas. São Paulo: Ática, 1979.

Vocabulário: 1. torpe: repugnante   2. veementes: animados

Após ler o texto, assinale a alternativa correta nas questões 1 e 3 e responda as demais:

1.Como era a noite vista pelo taxista e pelo amigo do narrador?
(   ) calor e chuva                (   ) vento e chuva                          (   ) luar lindo                       (   ) lua cheia

2. Como era a noite para o narrador?­­­­­­­__________________________________________________________
.                                   .
3. Considerando a maneira como é narrada, a reação do taxista (no final), pode-se inferir que ele ficou:
(   ) sensibilizado com a conversa                                            (   ) curioso por mais informações.
(   ) agradecido com o presente.                                              (   ) desconfiado com o pagamento

4. A outra noite a que o título se refere seria a vista somente pelo narrador ou aquela que o taxista e seu amigo enxergavam?_________________________________________________________________________

5. O que faz com que diferentes personagens vejam  diferente noites?
_________________________________________________________________________

6. Que fato do cotidiano a crônica que você leu explora?
_________________________________________________________________________

7. Nesse texto, o narrador é personagem? Justifique sua resposta copiando um trecho do texto.
_________________________________________________________________________
 gabarito, clique abaixo



1.(X ) vento e chuva     
2. Um luar lindo, e as nuvens lá de cima eram alvas, uma paisagem irreal.
3. ( X) sensibilizado com a conversa     
4. Vista pelo narrador
5. Cada pessoa tem seu ponto de vista, de acordo com sua visão de mundo.
6. Uma conversa banal sobre o tempo durante uma corrida de táxi.
7. Sim, é personagem, indicado pelo uso da 1ª pessoa:

“Outro dia fui a São Paulo...”
...”meu amigo”
“E, quando saltei...”

16 comentários:

  1. A onde estão as resposta dos questões?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. PRECISO FAZER TRABALHO ACHEI MUITO INTERESSANTE ESSA CRÔNICA.

      Excluir
  2. GOSTARIA DE TER AS RESPOSTAS DAS QUESTÕES.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom, é só fazer a interpretação. A outra noite é aquela que o narrador vê, a questão aqui é sobre o ponto de vista de cada um.

      Excluir
  3. gostaria das respostas ,poderia me enviar no email:marinete.carlos@hotmail.com

    ResponderExcluir
  4. Valeu, Fá, ótima atividade!


    numarocca@hotmail.com

    ResponderExcluir
  5. Adorei, amo esse tipo de texto descritivo.

    ResponderExcluir
  6. Fátima teria como você me enviar o gabarito dessa atividade?

    ResponderExcluir
  7. Gostaria do gabarito, poderia me enviar? albertoneto_22@hotmail.com

    ResponderExcluir
  8. Olá, já havia trabalhado essa crônica.A interpretação está ótima.
    Abraços
    Leila Brito

    ResponderExcluir
  9. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  10. Gostei, obrigada. Vou utilizar o material com minha turmas.

    ResponderExcluir
  11. Queria Fátima, sou professora e seu blog ilumina muito o meu trabalho.Obrigada!

    ResponderExcluir
  12. gostei muito. até utilizei em sala como os meus alunos. posta mais coisas que estou sempre de olho no blog. Parabéns

    ResponderExcluir
  13. gostei muito..vou utilizar com meus alunos

    ResponderExcluir
  14. Obrigada por dividir conosco seus conhecimentos. Eu sou professora de português, mas não tenho formação na área, seu blog tem sido de uma grande ajuda. Que Deus abençoe seu trabalho sempre.

    ResponderExcluir